Stockpickers #84 #85 Outliers #22

Thiago Salomão conversou com time da Encore, com Fernando Fontoura (Persevera), Matheus Soares (XP) e Lucas Collazo (Rico) e conversaram com Rafael Maisonnave (Tarpon);Samuel Ponsoni conversou Sylvio Castro (Grimper Capital)

Live com time da Encore

Procura bom management, boa perspectiva de crescimento, bom retorno sobre capital investido

Estratégia barbell -> commodities e coisa de crescimento alto.

Utilities

Setor barato, por questão macro (são value play). Companhias no geral estão no final de capex muito grande e devem gerar muito caixa em breve

Algumas empresas devem continuar gerando valor e outras podem destruir valor

Privatização não é prioridade no curto prazo, tem

Conciliar high quality e privatizáveis

Ecommerce

Gosta do setor, tem MELI por entender que irá surfar melhor o ecommerce

Possuem VVAR também

Small cap

Pensam em gerir com carteira com patrimônio de 5 bilhões, mas entraram em Mosaico

Saúde

Gostam de empresas de qualidade

Educação

Estão preocupados com intake

Transporte

Gostam de empresa com histórico sólido e gestão diferenciada

Quant

Dividida em 3 frentes: (i) desenvolvimento de ferramentas para todos, (ii) engenharia financeira, (iii) testar hipóteses dos analistas

Medir tudo, pois só consegue gerenciar o que consegue medir

Outliers #22

Samuel Ponsoni conversou Sylvio Castro (Grimper Capital)

Grimper é escalar

Aprendizados

Sempre trabalhou em asset management e gestão patrimonial. Quando faz gestão patrimonial é muito bom falar com as pessoas.

É bom ter uma dose de otimismo e confiança, mas sempre duvide de si mesmo

Decidiu montar uma gestora era um sonho antigo.

Ter cota x gerir recursos de família

Todo tem 2 medos: ter medo de morrer e medo de ficar sem dinheiro no final da vida. Independentemente da riqueza, as pessoas possuem esses dois medos.

Piores crises

2002 – eleição do Lula

Nunca partir de premissa de que um ativo é líquido

Risco de contraparte existe

Entender o prêmio de risco, deve ter alguma razão

Desafios para abrir uma asset

Ele viu várias gestoras nascendo quando trabalhava no Credit Suisse

Toda retaguarda sempre funcionava, agora fazendo sozinho não tem retaguarda

Começa com 13 pessoas, sendo 4 em suporte

Principais erros

Não gastar muito tempo em partnership, cláusula de entrada/saída

Processo de investimento

Precisa ser flexível, orgânico, multidisciplinar e sistematizável

Não se apaixonar demais pela narrativa, é necessário testar as hipóteses

Entender ativos que funcionam bem em determinados períodos. Hoje commodities performam bem

Ativos que te dão prêmio de risco você paga para ter na carteira

Produtos

Long bias -> 50% – 100% comprado

Stock picking + pares long/short + temas médio longo prazo

Tenta fazer metade da vol da bolsa

Multimercado

Crédito Latam + stockpicking ações + moedas + back book (ajustar risco da carteira)

Não controla risco do fundo por causa de volatilidade e sim stoploss

Cenário

Política econômica estimulativa -> investir em ativos de risco, small caps de países desenvolvidos, bolsa de Ásia e Brasil; commodities

Aumento de demanda de mineração para construir novos ativos por causa da mudança energética

Gosta de todas commodities em geral

Houve melhora de conta corrente (menos viagens e remessas), mas investimento externo piorou também

Brasil oferece pouco crescimento e poucos juros.

Pessoas esquecem que problema do Brasil não é dívida externa, cambio fair é 5.10. Melhor investir na bolsa

O que analisar em um gestor

Ter patrimônio relevante, forma como você ganha e humildade de que você está fazendo

Gestores são dogmáticos na equipe, capacidade de tomar risco e interpretar cenários e são humildes em prever o futuro, analisar o risco

Compra a trajetória e caráter das pessoas

Conversar com pessoas que já trabalharam com as pessoas da gestora

Gosta do Luiz Stuhlberger, Fabiano Rios, Felipe Guerra, Bruno Garcia, Mauricio Bittencourt

Stock Pills #8

Gustavo Fabrício da RPS Capital conversou sobre Eletrobras

Wilson (CEO) conseguiu vender distribuidoras, houve recebimento da RBSE e redução de custo/capex

Net debt/EBITDA caiu de 6x para 2x

OPEX está 40% acima da média do setor

Negocia a 6x EV/EBITDA, em linha com CPLE e CMIG, mas 40% abaixo de peers privados

Há preocupação grande da companhia com a saída do CEO

Se trabalho que foi feito for mantido, há pouco a perder. TIR real acima de 12%

Se houver melhoria, tem muito upside

Stockpickers #84

Thiago Salomão e Renato Santiago conversaram com Fernando Fontoura (Persevera), Matheus Soares (XP) e Lucas Collazo (Rico)

Matheus está vendo saúde, educação e small caps na XP

Olha de maneira matricial na Rico

Carteira Perseva

Aurea é a principal posição da carteira. Tem todas as vantagens do ouro e ainda recebe dividendos

Gosta do Valuation (2.8x EV/EBITDA, versus peers de 4.5x)

E além de estar barata, também tem crescimento nos próximos anos

Houve subinvestimento do estudo das reservas, agora devem refazer esses estudos.

Ativos operacionais estão em México, Brasil, Honduras e EUA, mas sede corporativa está em São Paulo

Valuation implícito da empresa é 1200 USD/onça, viabilidade da companhia é 900. Hoje ouro está em 1800 e companhia trabalha com 1500 para frente

Mercado é de narrativas, agora ouro saiu do radar e Aurea está sofrendo.

Não pensam em sair das Américas

Novas aquisições podem acontecer, Aurea pensa em ser consolidadora.

Cenário macro

Juro nominal cai, mas inflação não cede. Juro real deve cair

Globalmente falando, fiscal está forte

Pessoas e empresas muito endividadas -> menor crescimento que esperado -> juros caem -> bom para ouro

Aurea x ouro

Aurea -> investe em equity, tem de receber equity risk premium; tem alavancagem operacional; gera fluxo de caixa e paga dividendos; tem risco maior que ouro

Ouro -> tem maior liquidez que Aurea;

Recomendaçõs XP

Compra RDOR, compra YDUQ, ANIM, neutro COGN e SEER. Compra em Priner

Empresas que se preocuparam com qualidade de ensino e investiram em EAD vão se destacar pós pandemia. Top pick no setor de educação é YDUQS.

Cogna surfou muito bem o FIES. No final de 2014 o FIES ficou muito mais restrito

EAD foi ganhando espaço pós 2014 pois governo desregulamentou o EAD

YDUQ tem margem de contribuição de 60% no EAD

Setor paga muito por alunos de medicina.

Aluno EAD YDUQ x aluno EAD Vitru -> aluno EAD da YDUQ gera 3x mais EBITDA que da Vitru

Aluno medicina Afya -> 4 milhões de reais, mas mercado paga 2 milhões por deals de medicina

Em educação você compra conteúdo e acreditação no diploma. Há conteúdos melhores na internet, mas eles não perderam a exclusividade de emitir diploma.

IPO

Entraram em Neogrid e ainda acha que tem perspectiva interessante.

Obrigação do IB é se tem demanda tem de vender.

Se discute EV/sales, já estamos discutindo bolha.

Múltiplo não é Valuation. Múltiplo caro não significa que esteja caro

WIZS

Mercado não tem entende o fim da caixa

PRNR

Matheus gosta dela pois ela quer virar one stop shop no setor.

Fundos

Wellington Ventura, Absolute Alpha Global e Arb

Stockpickers #85

Thiago Salomão e Renato Santiago conversaram com Rafael Maisonnave (Tarpon)

Faz gestão do Tarpon GT, focado em small caps.

Trabalhou de 98 até 2006 no Banco Patrimônio na parte de private equity. Em 2006 foi para Tarpon fazer private equity.

Em 2008 foi para a parte de equities

Tarpon alocou bem capital na crise de 2008. Em 2012 ele decidiu sair pois galera da Tarpon estava focada em mudar gestão de empresas, ao invés apenas de comprar/vender ativos.

Depois Rafael voltou em 2016 e toca o fundo GT

Deve fechar o fundo com 1 bilhão de reais. Capital proprietário é relevante, não deve ser resgatado e ajuda nesse problema de iliquidez

Small cap

Filtro maior é liquidez, não necessariamente valor de mercado. Você costuma negociar no máximo 10 – 15% da liquidez diária.

Elas possuem menor cobertura, são menos visadas pelo mercado

Entende que small caps possuem melhor relação risco x retorno.

Cada fundo faz as suas escolhas. Tarpon GT escolheu ser um fundo menor e ver menos empresas. Preferem ver menos empresas e olhar de maneira profunda.

Case de small caps sofreu bastante em 2008 e 2015, muitos gestores deixaram de olhar small caps

MGLU na low valia 200 milhões de reais. Se fundo de 10 bilhões de reais comprasse 100% da MGLU não iria ter impacto relevante

Melhor investimento do fundo é quando você compra small cap e ela vira large cap

KEPL

Previ e BBAS já saíram, melhorando em liquidez

Produz silos para armazenagem de grãos

É uma empresa cíclica, diferença para outras empresas de bens de capital é que ela está bem exposta ao agro.

Tarpon é acionista desde 2013

Tem potencial para ser large cap, problema é que depende muito do Plano Safra (PCA)

Tem de fomentar investimento privado em capex (esforços via QAGR e BTAL)

Entende que EBITDA poderia chegar em 150 – 200 milhões de reais (hoje é 90)

Antes do silo, tem a peneiragem e secagem. Grão padronizado tem preço até 8% mais alto.

KEPL negocia a 10x P/E e está a 40% da capacidade

Hoje é a maior posição do fundo (30%)

Novo CFO trabalhava na WEG

WSON

Uma das maiores posições do fundo, 8.5% do fundo

Business que ninguém conhece é algo bom

Portos possuem boa margem EBITDA

Transações recentes são 10x – 12x EV/EBITDA e ela negocia a 5x EV/EBITDA

Div yield de 8% ao ano

Tem EBITDA 100% dolarizado

FRAS

Tem 14% do fundo

Controladora pelo grupo Randon, Gavea saiu e RAPT aumentou

Focada em mercado de reposição (85% da receita), dinheiro recorrente

Está tendo sucesso com M&As, último foi a Nakata

Exporta bastante para Europa/EUA/China

TRIS

Tem 6% no fundo

Comprou no dia que caiu 30%, entende que companhia acertou

SAPR

Negociava a 2.5x P/E em 2016, div yield de 25%

Toda vez que você compra uma ação, você precisa acreditar mais nela que o vendedor

Crise

Observar exageros do mercado e arbitrar eles

Investimento que não deu certo

RNEW

Subestimou riscos

Quando não ganha dinheiro, tire aprendizados

Deram o passo maior que a perna, chamou sócio mas esse sócio também deu o passo maior que a perna

Quando há desvio relevante da tese, fique um tempo sem observar

Melhor investimento

Tempo participações

Negociava a 3x EV/EBITDA, crescia 15% ao ano.

Comprou em 2014 – 15

Clique aqui apra ler sobre outros episódios de Stockpickers

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.