Stockpickers #26.6

Thiago Salomão entrevistou Leonardo Linhares da SPX.

Rio de Janeiro

Historicamente, foi o celeiro de grandes escolas como BTG, Opportunity, Icatu, BBM, etc. E mesmo com a decadência do Rio, há escolas boas como IME/PUC-RJ/UFRJ que geram talentos recorrentemente.

Atualmente Leonardo Linhares faz gestão de 7 bilhões de reais. O tamanho é desafiador, mas é inegável que a liquidez da B3 aumentou.

Estratégia

Leonardo procura sempre misturar trade (Market timing) com analista (valuation). Comparar valuation com valor de mercado atual e procurar alocar nos ativos em que possui maior confiança.

É importante saber o que fazer quando algo dá certo e quando dá errado. Mesmo se surpreendendo, ter um caminho pré definido é importante.

ELET

Empresa foi delistada da bolsa de NY, ia ter pressão vendedora (alta liquidez) e viram que tinha upside.

Posições

Leonardo entende que qualquer posição que monte não deveria passar de 10% em relação ao patrimônio do fundo pois se errar (uma hora ou outra vai errar) tem margem de manobra para reduzir posição e não vai destruir performance do fundo.

Por trabalharem em banco, eles sempre se preocupam com liquidez e risco.

O seu cliente precisa estar preparado para o risco que o fundo irá correr.

Se você está animado com a empresa e desanimado com o setor, não precisa necessariamente reduzir a posição da empresa. Você pode vender o setor ou até vender o índice Bovespa.

Leonardo não gosta de comentar posições pois não ganha nada em fazer isso.

Quem contrataria

Universidade boa -> se preocupou com a sua educação, fez esforço

Notas boas -> está focado, cumpre a sua tarefa

Vontade de trabalhar -> precisa correr atrás, não pode se acomodar, tem fome de aprender

Xavier

Leonardo considera ele como o melhor trader que já viu na vida.

Ele repara o que é ruído e o que não é (uma maior explicação pode ser vista no livro abaixo).

Xavier tem a capacidade de executar no tamanho certo e zerar quando cenário muda e a sua posição dá errado.

Group Thinking

Leonardo comentou que se preocupa em ser advogado do diabo, se esforça bastante em trabalhar a tese de investimento e não deixar ser facilmente influenciado pelo consenso (pensamento de grupo/group thinking).

A ideia precisa ser bem fundamentada e não pode ter preguiça de pensar diferente.

Cenário macro

Queda de juros de maneira global deve continuar, mas não devemos ter pressão de inflação.

Investidor deve migrar para a bolsa, o que deve deixar a bolsa cara (ainda não chegamos nisso).

É importante lembrar que o ajuste fiscal ainda não foi feito, Brasil apenas não quebrou no curto prazo. Temos ainda um grande desafio pela frente.

Melhor trade da vida

Ganhou dinheiro com a desmutualização da bolsa.

Enquanto muitas pessoas comentavam sobre o poder das corretoras, olhou para peers fora do Brasil e viu a tendência.

Trade que deu errado

Banco Cruzeiro do Sul

Bradesco tinha comprado o seu banco de consignado e entendiam que o Banco Cruzeiro do Sul seria o alvo do Itaú. E esse era o único argumento para a tese de investimento. O resto era ruim.

A contabilidade era agressiva, a margem de segurança era baixa, o negócio era ruim, não eram as melhores pessoas no management.

Frase

Sucesso gera complacência, complacência gera fracasso. Só os paranoicos sobrevivem.

Fique questionando o tempo todo, fique sempre atento e humilde.

Clique aqui para ler outro episódio do Stockpickers

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.